LEIS DO JOGO
   LEI 3 - NÚMERO DE JOGADORES
   Jogadores

A partida será jogada por duas equipas, compreendendo cada uma o máximo de 5 jogadores, um dos quais será o guarda-redes.

   PROCESSO DE SUBSTITUIÇÃO

Podem ser utilizados substitutos em qualquer encontro jogado de acordo com o Regulamento de uma competição oficial ao nível da F.I.F.A., duma Confederação ou de uma Federação. O número máximo dos jogadores substitutos é de 7. É autorizado um número indeterminado de substituições Um jogador que tenha sido substituído pode voltar ao campo para substituir outro qualquer jogador. Uma substituição pode efectuar-se sempre, esteja ou não a bola em jogo. Convém observar as seguintes disposições:

- O jogador que sai do campo deve sair pela linha lateral, no sector denominado "zona de substituições ";

- O jogador que entra no terreno de jogo deve fazê-lo também pela zona de substituições e unicamente quando o jogador a substituir tiver ultrapassado completamente a linha lateral;

- Um substituto está sujeito à autoridade e jurisdição dos árbitros, quer seja chamado a participar no jogo, quer não;

- A substituição considera-se efectuada no momento em que o substituto penetra no terreno de jogo. Desde então é considerado como jogador, enquanto que aquele que ele vai substituir deixa de o ser.

   SUBSTIUIÇÃO DO GUARDA REDES

O guarda-redes pode trocar de posto com outro qualquer jogador, mas somente se um dos árbitros for disso previamente informado e desde que a mudança tenha lugar durante uma interrupção do jogo.

   INFRAÇÕES / SANÇÕES

Se um suplente penetra na superfície de jogo aquando de uma substituição, antes do jogador que é substituído sair completamente:

- O jogo será interrompido;

- Um dos árbitros fará sair o jogador a substituir;

- O suplente em causa será advertido (cartão amarelo) e será convidado a deixar a superfície de jogo para que seja completado o procedimento de substituição;

- O jogo recomeçará com um pontapé livre-indirecto a favor da equipa adversária no local onde a bola se encontrava quando o jogo foi interrompido, salvo se, nesse momento, ela se encontrava no interior da área de grande penalidade. Nesse caso, o pontapé livre-indirecto deverá ser efectuado sobre a linha da área de grande penalidade, no ponto mais próximo do sítio onde a bola se encontrava no momento em que o jogo foi interrompido.

Se durante uma substituição, um substituto penetra na superfície de jogo ou um jogador deixa a superfície de jogo sem passar pela zona de substituições

- O jogo será interrompido;

- O jogador faltoso será advertido com o cartão amarelo e será convidado a deixar a superfície de jogo para que seja completado o procedimento de substituição;

- O jogo recomeçará com um pontapé-livre indirecto a favor da equipa adversária no local onde a bola se encontrava no momento em que o jogo foi interrompido, salvo se, a mesma se encontrava no interior da área de grande penalidade. Nesse caso, o pontapé livre deverá ser executado sobre a linha da área de grande penalidade, no ponto mais próximo do local onde a bola se encontrava no momento em que o jogo foi interrompido.

   DECISÕES DO INTERNATIONAL BOARD - DECISÃO 1

É de 5 o número mínimo de jogadores permitido para poder iniciar um encontro.

   DECISÕES DO INTERNATIONAL BOARD - DECISÃO 2

No caso de expulsões de jogadores, o encontro deverá terminar se, por parte de uma equipa ou de ambas, não houver mais que 2 jogadores no rectângulo.

   DECISÕES DO INTERNATIONAL BOARD - DECISÃO 3

Se o jogo foi interrompido pelo árbitro para fazer uma advertência: O jogo recomeça com um pontapé-livre indirecto executado por um jogador da equipa adversária no local onde se encontrava a bola no momento da interrupção do jogo.

Adicionar aos favoritos | Termos e Condições


Site desenvolvido por: Microdrive - Informática e Sistemas, Lda.